terça-feira, 14 de abril de 2015

PEQUENOS GRANDES EVENTOS

Pequenos eventos vêm acontecendo nos últimos meses, que movimentam a cidade nos finais de semana. O que cada um tem em comum é que partiram de iniciativas isoladas, de grupos ou de empresários ligados ao turismo.
No último final de semana, domingo, 12.  Aconteceu o I Passeio de Caiaque por nossa baía, que animou a cidade, movimentou os aficionados locais e atraiu a vizinhança. Foi um sucesso!

No próximo final de semana - considerado feriadão de Tiradentes, 18,19 e 20 maio. Está programado o I Antonina Blues Festival, com apresentações no Hotel Camboa, Cantina Casa Verde e no Teatro Municipal, e todos com entrada franca (ver cartaz).






Para o dia 26, ultimo domingo do mês, estaremos sediando a primeira fase do GP Ciclismo de Estrada, uma promoção da Federação Paranaense de Ciclismo. Nas modalidades Open, Master e Feminino.

E para complementar, contamos com a já tradicional retreta da Filarmônica Antoninense, que se realiza todo último sábado do mês, no coreto da Pç.Cel.Macedo ou no Teatro Municipal (em caso de mau tempo). O Jekiti Cultural - espaço de convivência, acontece sempre nas manhãs do último domingo do mês. E ainda podemos contar – em algum lugar da cidade, com a animação da musicalidade brasileira dos “Amigos da Carioca”, que também são do Jekiti, do Mercado ou do Sombrero.

Essas pequenas iniciativas, quando consolidadas, criam corpo e proporcionam bons momentos para a comunidade e visitantes. Além de abrir ao turismo, um leque a nossa diversidade de atrativos: gastronomia, cultura, náutica, aventura...Etc.
Parabéns aos organizadores, que de alguma maneira, souberam proporcionar bons e novos momentos para a nossa cidade. Viva!


segunda-feira, 6 de abril de 2015

COMO VOCÊ AVALIA A GESTÃO DE JOÃO DOMERO?

Deixe sua opinião. Vote na coluna ao lado direito da página do Blog.
Todos precisam saber qual é a avaliação da atual gestão. Então VOTE!

quinta-feira, 26 de março de 2015

Sinalizar é preciso. Para não ter que escrever tudo de novo.

Publicado em 23/07/2006 no blog e em 2012 no livro “Tenho Dito”.
SINALIZAR É PRECISO

As placas de sinalização de trânsito da nossa cidade, quando existem, estão em péssimas condições de legibilidade, sem falar em um sistema de tráfego que nem em sonho passou pelas cabeças dos nossos administradores. Hoje convivemos com tráfego de diferentes veículos, como transporte de cargas, coletivo, passeio, ciclistas, pedestres e, em especial, turistas, e sequer se tem um pequeno trajeto sinalizado. As pessoas não sabem aonde ir e nem ao menos como voltar. Nas ruas do centro não se sabe se é contramão (rua XV, por exemplo) ou onde é permitido estacionar, somado ainda aos fechamentos sistemáticos do centro para a realização de festas, reformas, desfiles, cultos, barracas... etc... etc... etc. Apesar da cidade ser um pequeno conjunto de quadras, daria – se houvesse vontade política e competência administrativa – muito bem para ser sinalizada, melhorando o tráfego e facilitando a vida de toda a população. Falta de recursos não é, pois parte do IPVA arrecadado pelo município retorna para ser aplicado no sistema de sinalização do trânsito.
A rua Valle Porto, o principal cartão de visita da cidade, está interditada há mais de seis meses porque a prefeitura realiza obras na construção do novo prédio da Câmara Municipal. Sem dúvida alguma a restauração do imóvel é importante, mas não dá para interditar uma artéria de trânsito para fazer uma obra. Se isso pega, hein?


N.Ed.Blog: entra prefeito e sai prefeito e tudo continua como antes. 

terça-feira, 24 de março de 2015

Mar ou mato?


A foto mostra parte do assoreamento da baía de Antonina, onde a vegetação cresce e avança, ocupando o espaço onde antes haviam mangue e mar. Nossa pequena orla, no perímetro urbano da cidade está toda comprometida. Caso nada seja feito, muito em breve não mais conseguiremos sequer avistar o mar. Experimente dar uma olhada com a maré seca, da Rua Marquês do Herval, Antonio Prado até a Rodoviária.

quinta-feira, 19 de março de 2015

Restauração do Santuário

Prospecção parede externa 1
Quem visita a Igreja de Nossa Senhora do Pilar, em Antonina, notará alguns vestígios de pinturas antigas externa e interna nas paredes do santuário. É que os trabalhos de pesquisa e prospecção das pinturas estão sendo feitos, por técnicos da empresa vencedora da licitação responsável pela elaboração do projeto de restauro daquele bem.

A restauração do santuário, a cargo do Iphan-Pr faz parte de um conjunto de 08 imóveis que serão revitalizados na cidade, contemplados pelo PAC Cidades Históricas do Governo Federal, com investimento previsto de R$17milhões. No momento das licitações, maio de 2014 - a previsão de entrega das obras revitalizadas era dezembro de 2015.

Antonina é a única cidade do Paraná contemplada pelo PAC/Cidades Históricas, e caso todos os prédios sejam revitalizados, uma das fontes de renda do município, o turismo cultural, deverá ser beneficiado, pois ruínas e monumentos se tornarão em belos e históricos atrativos.

A centenária Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar teve sua construção autorizada em 1714, durante estes trezentos anos passou por inúmeras reformas, cuja documentação descritiva é de difícil conhecimento da comunidade e até dos órgãos de proteção. A igreja é o mais importante marco histórico da comunidade.

Prospecção externa
Prospecção pintura interna
Relação dos imóveis previstos para revitalização:
Estação Ferroviária, Prefeitura Municipal, Fonte da Laranjeira, Fonte da Carioca, Armazém Macedo, Igreja do Bom Jesus do Saivá, Igreja de São Benedito e Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar.